fbpx
Carros

Karmann Ghia: conheça a incrível história de sucesso deste Volkswagen

Falar de Karmann Ghia é voltar no tempo. Para um período onde quando mencionávamos fabricantes alemães de automóveis, geralmente é a BMW, a Mercedes-Benz e a Porsche que vêm à mente primeiro.

Entretanto, existe outra empresa alemã que produz carros há quase tanto tempo quanto os três fabricantes juntos – a Volkswagen.

Existem poucas marcas de automóveis com uma história tão rica e com tanto potencial de crescimento; de fato, a Volkswagen de hoje está muito longe da que existia em 1945.

Seu primeiro carro foi o Tipo 1 (ou ‘Carocha’) e nas últimas sete décadas eles produziram alguns modelos incríveis.

Assim sendo, talvez um dos mais memoráveis seja o Volkswagen Karmann Ghia, que continua sendo um dos favoritos entre os entusiastas.

A história do VW Karmann Ghia

Karmann Ghia (crédito de imagem: Oldtimer/Shutterstock)
Karmann Ghia (crédito de imagem: Oldtimer/Shutterstock)

O Volkswagen Karmann Ghia foi um cupê esportivo fabricado entre 1955 e 1974 pela Volkswagen.

Foi baseado na plataforma Volkswagen Tipo 1 (ou “Carocha”), e permaneceu em produção por 12 anos.

Era mais caro que o Carocha padrão, e vendia muito bem, tornando-se um dos carros mais vendidos de sua época. O Karmann Ghia foi o primeiro modelo VW a ser oferecido com uma transmissão automática e ar condicionado opcional.

Dessa maneira, a primeira geração do Volkswagen Karmann Ghia foi considerada uma verdadeira obra-prima de design. Era um coupé de dois lugares de meio motor produzido pela fabricante alemã como uma variação mais esportiva de seu popular e versátil sedan Volkswagen Beetle com motor traseiro.

O Karmann Ghia foi concebido para preencher a lacuna entre o utilitarismo inerente do Carocha padrão e o mais luxuoso, mas esportivo, caravana Volkswagen Tipo 2 (ou “ônibus”).

O nome ‘Karmann Ghia’ veio da combinação dos nomes dos designers que criaram o modelo: Ganz e Heimer.

Por que o Karmann Ghia foi construído?

Modelo conversível Karmann Ghia
Crédito de Imagem: Sergey Kohl/Shutterstock

Embora o Volkswagen Beetle fosse um carro inegavelmente fantástico, não era o design esteticamente mais agradável. Foi projetado puramente como um veículo funcional, e era extremamente acessível, o que o tornou tão popular.

Infelizmente, o design utilitário do Carocha não conseguiu virar muitas cabeças, e a demanda pelo carro estava diminuindo. Como resultado, a Volkswagen se propôs a criar um carro esportivo mais elegante baseado no chassi do Carocha, mas com alguns luxos adicionais.

Desse modo,o resultado foi o Volkswagen Karmann Ghia. Esse automóvel não se destinava a substituir o Carocha, mas sim a ser uma opção para pessoas que queriam algo mais esportivo do que o Carocha padrão.

Assim sendo, ele era indicado para aqueles que não queriam gastar o dinheiro extra em uma caravana VW Tipo 2 (ou “ônibus”) mais luxuosa.

O caminho para a produção

Karmann Ghia
Modelo apresentado no “Ricon’s Lighthouse – Volky Show” (crédito de imagem: Shutterstock)

O Volkswagen Karmann Ghia foi revelado pela primeira vez em um hotel-cassino na França, em 1955. Enquanto o carro foi bem recebido, houve um obstáculo significativo que a Volkswagen teve que superar antes que o modelo pudesse entrar em produção.

Este obstáculo era seu plano de usar uma estrutura feita de fibra de vidro, que era nova no mercado na época. Inicialmente foi recusada à empresa a permissão para usar o material na construção do Volkswagen Karmann Ghia, com algumas pessoas afirmando que “não era um material adequado para um carro”.

Por causa disso, o Volkswagen Karmann Ghia quase não chegou a ser produzido. Por sorte, o governo alemão interveio e anulou a decisão, e o modelo foi autorizado a entrar em produção, embora com um número reduzido de unidades.

No início, o Volkswagen Karmann Ghia só estava disponível na Alemanha e na Áustria, mas foi posteriormente introduzido no resto da Europa, assim como na Austrália e no Canadá em 1956.

O fim de uma era

Karmann Guia Preto
Crédito imagem: Sergey Kohl / Shutterstock

O Volkswagen Karmann Ghia foi projetado como uma modificação mais luxuosa do Carocha, com foco no estilo. Consequentemente, era esperado que o modelo vendesse mais em estados de clima quente, onde o estilo era mais importante que a funcionalidade e onde o Carocha era mais popular.

Desse modo, as vendas nos Estados Unidos foram decepcionantes, onde o Carocha foi o campeão indiscutível do mercado. O Volkswagen Karmann Ghia era mais caro que o Carocha, e as vendas foram ainda mais prejudicadas pelo fato de que não estava disponível em uma opção conversível.

Consequentemente, o modelo acabou sendo mais popular na Europa, especialmente na Alemanha e na Áustria. Em 1958, a Volkswagen tinha produzido 50.000 unidades do Volkswagen Karmann Ghia.

Eles esperavam aumentar este número, mas estavam enfrentando problemas com seu fornecedor de fibra de vidro. Isto era problemático, já que o modelo inteiro era feito desse material.

Como resultado, a empresa decidiu cessar a produção do Volkswagen Karmann Ghia. O modelo tinha durado pouco mais de uma década, mas permaneceu em alta demanda muito tempo após seu desaparecimento das linhas de produção.

O renascimento do Volkswagen Karmann Ghia

Karmann Guia Verde água
Crédito de imagem: Mike Van Schoonderwalt/ Shutterstock

O Volkswagen Karmann Ghia foi extremamente bem-sucedido, apesar de ter sido produzido apenas por uma década. Era mais popular do que o Carocha padrão em muitos países e era considerado um carro esportivo elegante e luxuoso, especialmente para meados dos anos 50.

Foram estas características positivas que inspiraram o fabricante americano de carros American Motors Corporation (AMC) a reviver o modelo no início dos anos 70.

Dessa maneira, a American Motors Corporation adquiriu os direitos da Volkswagen Karmann Ghia para produzir um coupé baseado em seu próprio modelo, o AMC Hornet.

O cupê seria chamado de “AMC Hornet Karmann Ghia”, mas a Volkswagen protestou contra o uso do “Ghia” e do “Karmann”, uma vez que eles eram proprietários de ambas as marcas. Isto levou a uma batalha judicial, e as duas empresas acabaram decidindo encerrar a disputa através de um acordo.

A American Motors Corporation poderia continuar a produzir um cupê baseado no Hornet, mas ele tinha que ser comercializado com um nome diferente.

As duas empresas concordaram em “American Continental” como o nome, mas como a AMC queria que a palavra “Continental” estivesse em todas as capitais, a Volkswagen também protestou contra isso.

Eventualmente, as duas empresas chegaram a um acordo e o cupê foi nomeado ‘American Coupe’, mas a AMC não conseguiu inventar um nome atraente para ele, de modo que ainda era frequentemente referido como o ‘American Continental’.

Um carro icônico

KARMANN GUIA HISTÓRICO
Crédito de Imagem: Fluke Napat/ Shutterstock

Este carro era um cupê esportivo baseado no chassi do Volkswagen Beetle. Foi projetado para ser uma versão mais luxuosa e elegante do Carocha, de modo a ser uma opção para pessoas que queriam algo mais esportivo do que um Carocha normal, mas que não queriam gastar o dinheiro extra em um ônibus Volkswagen.

Foto do Painel do Karmann Guia – Créditos: Shutterstock

Ele foi um modelo de enorme sucesso que esteve em produção por 12 anos. Foi descontinuado em 1973, mas foi reavivado pelo fabricante americano de carros AMC em meados dos anos 70 como o “American Coupe”.

FAQ: Karmann Ghia – Perguntas Frequentes

1. O que é o Karmann Ghia e qual é a sua relação com a Volkswagen? O Karmann Ghia é um carro coupé esportivo icônico, desenvolvido em colaboração com a Volkswagen, e foi baseado no chassi do Volkswagen Tipo 1 (“Carocha”).

2. Quais são as características notáveis do Karmann Ghia? O Karmann Ghia se destaca por seu design elegante, estilo distinto e algumas características inovadoras para a época, como a primeira transmissão automática disponível e a opção de ar condicionado.

3. Qual foi o objetivo por trás da criação do Karmann Ghia? O Karmann Ghia foi projetado para preencher a lacuna entre o Carocha e a caravana Tipo 2 da Volkswagen, oferecendo aos consumidores uma opção mais esportiva e elegante.

4. Qual é o preço de um Karmann Ghia? O preço de um Karmann Ghia pode variar significativamente, com valores entre R$70 mil e 180 mil. No entanto, algumas unidades em condições excepcionais podem exceder esses valores. O preço depende da conservação e raridade do veículo.

5. Por que a produção do Karmann Ghia foi interrompida? A produção do Karmann Ghia foi interrompida devido a problemas no fornecimento de fibra de vidro, que era crucial para a estrutura do veículo. Esses problemas levaram ao encerramento da produção.

Esse Clássico pode ser seu!

Compre o seu e-book!

Artigos relacionados
Carros

Fases do Fusca: Da Era Clássica ao Beetle Moderno

3 Mins de leitura
Saiba tudo sobre as fases do Fusca, do design original às versões modernas do Beetle.
Carros

5 Carros Mais Populares do Brasil

7 Mins de leitura
Descubra os 5 carros mais populares do Brasil em 2024: Volkswagen Polo, Chevrolet Onix, Hyundai HB20, Chevrolet Onix Plus e Fiat Mobi.
CarrosNotícias sobre o Mundo Automotivo

Carros Mais Potentes Até 200 Mil em 2024

3 Mins de leitura
Encontre os carros mais potentes até 200 mil reais em 2024! Saiba mais sobre os modelos e como a relação peso/potência influencia no desempenho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *